DF normatiza prescrição de medicamentos e exames por enfermeiros

Portaria 33/2020, publicada no diário oficial, normatiza procedimentos



Os enfermeiros que atuam na rede pública do Distrito Federal poderão prescrever medicamentos e solicitar exames previstos em protocolos, durante as consultas de Enfermagem. O governo do Distrito Federal publicou nesta terça-feira (28/1) no diário oficial a Portaria 33/2020 que normatiza os procedimentos na Secretaria de Saúde.


Art. 3º A prescrição de medicamentos e a solicitação de exames, em todos os níveis de assistência, deverão ser realizadas em formulário padronizado da SES/DF, de acordo com sua especificação, identificado com matrícula do prescritor, número da inscrição no Conselho Regional de Enfermagem (COREN-DF), nome completo do profissional e respectiva assinatura.


“A normatização traz mais segurança para os profissionais e para a população do Distrito Federal”, afirma o conselheiro federal Gilney Guerra. A solicitação de exames de rotina e complementares é realidade consolidada no Brasil desde 1997, quando foi editada a Resolução Cofen 195/97 (em vigor). A consulta de Enfermagem, o diagnóstico de Enfermagem e a prescrição de medicamentos em protocolos são competências dos enfermeiros estabelecidas na Lei 7.498/1986, regulamentada pelo Decreto 94.406/1987 e pela Portaria MS 2.436/2017.


Fonte: Ascom - Cofen

53 visualizações

O Instituto de Ensino Superior Materdei, é uma institução de ensino, presente no estado do Amazonas a mais de 23 anos, oferecendo cursos na área de saúde, onde, desde 2002, iniciou as atividades a Graduação em Enfermagem, onde já formou mais de 1000 profissionais da área, atuando em todo território nacional.

@2018 Instituto de Ensino Superior Materdei - Todos os direitos reservados 

ouvidoria@iesmaterdei.com.br - (92) 3342-0594 - Av. Leonardo Malcher, 1167 - Centro - Manaus - AM

  • Wix Facebook page
  • Instagram Social Icon
  • Wix Twitter page
  • Wix Google+ page